quarta-feira, 20 de novembro de 2013

Viagem tripulada a Marte já pode ter data certa para acontecer



Jonatan Peris é estudante de Engenharia Industrial, na Universidade de Zaragoza e um dos seis tripulantes selecionados a participar de uma das simulações de viagem a Marte. Em seu livro, recentemente publicado, ele afirma que a primeira viagem tripulada ao planeta vermelho ocorrerá por volta do ano 2030 e deve durar em torno de 2 anos e meio, incluindo os 14 meses do trajeto de ida e volta.
A viagem começaria com diversos lançamentos espaciais, realizados antes de os astronautas serem enviados. Ainda segundo o autor, que fará parte dos ensaios a serem realizados no deserto de Utah, nos Estados Unidos a partir de 2015, chegar a Marte seria o primeiro passo da humanidade na corrida pela colonização do planeta.




O rápido avanço da tecnologia já possibilita levar a Marte uma missão de exploração tripulada, entretanto os riscos seriam bastante altos. Contudo, em 15 anos, esses riscos deverão ser muito menores. Para isso, será necessário desenvolver a pesquisa dedicada a solucionar os principais inconvenientes de uma viagem destas proporções: os efeitos musculares produzidos pela ausência de gravidade, os riscos de superexposição ao excesso de radiação cósmica e outros fatores. Na verdade, algumas das soluções previstas incluem o implante de robôs nanométricos na corrente sanguínea, capazes de detectar doenças antes mesmo do surgimento de sintomas ou até mesmo consertar músculos e ossos afetados pela ausência de gravidade do espaço. Outro aspecto fundamental a ser estudado se refere ao estado psíquico dos tripulantes quando submetidos a condições extremas, especialmente quando devem responder rapidamente em um ambiente provavelmente hostil.

Fonte : History

Nenhum comentário:

Postar um comentário