quinta-feira, 20 de julho de 2017

Congressista Interroga a NASA sobre Extraterrestres: "Existe Vida em Marte"?



No dia 18 de julho, o Subcomitê para o Espaço do Comitê do Congresso dos EUA da Ciência e Tecnologia realizou uma audiência para esclarecer as futuras missões da NASA de exploração espacial.


Rússia, EUA ou China – quem vai chegar a Marte primeiro?
Os congressistas queriam saber sobre a missão Rover de Marte de 2020 e sobre a missão interplanetária Europa Clipper. Mas o congressista republicano da Califórnia, Dana Rohrabacher, aproveitou a oportunidade para interrogar a NASA sobre a existência de vida alienígena em Marte.

Até às questões sobre alienígenas de Rohrabacher, a audiência foi bastante trivial, houve perguntas sobre problemas técnicos, combustíveis que seriam usados e sobre o potencial comercial das missões.

"Você indicou que Marte era totalmente diferente há milhares de anos. É possível que tenha havido uma civilização em Marte há milhares de anos?", perguntou ele.

quarta-feira, 19 de julho de 2017

Existe uma ciência por trás da ideia de reencarnação?



Cientista norte-americano está mapeando padrões a partir de relatos de vidas passadas.

Jim B. Tucker, doutor e professor de psiquiatria da Universidade da Virgínia, nos EUA, estuda há décadas o fenômeno da reencarnação no Ocidente. Sua pesquisa está focada em crianças de até 7 anos que recordam de suas vidas passadas.

terça-feira, 18 de julho de 2017

A Lua de Saturno Iapetus: Uma 'Estrela da morte Extraterrestre' afirmam os caçadores de UFOs!!



 Um dos mais famosos filmes de ficção científica de todos os tempos apareceu na década de 70 com uma trama, não como qualquer outra. O filme 'Star Wars' foi um sucesso, e ainda é considerado uma franquia de filmes importante, que engloba várias sequências e pré-séries, programas de TV, videogames e inúmeras mercadorias.

segunda-feira, 17 de julho de 2017

Observatório de Arecibo Detecta "SINAIS ESTRANHOS" da estrela Anã Vermelha Ross 128



Os astrônomos dizem ter detectado “sinais estranhos” provenientes da direção de uma estrela pequena e fraca localizada a cerca de 11 anos-luz da Terra. Os pesquisadores pegaram os misteriosos sinais em 12 de maio usando o Observatório de Arecibo, um enorme telescópio de rádio construído dentro de um sumidouro porto-riquenho.
Esse é o Arecibo.

domingo, 16 de julho de 2017

O que é o Relógio do Apocalipse, e por que ele indica que desde 1953 nunca estivemos tão perto de uma catástrofe global



Existe um relógio que, em vez de medir a passagem do tempo, indica o quão  perto o planeta está de ser destruído. Atualmente, seus ponteiros marcam dois minutos e meio para meia-noite, horário previsto para o fim do mundo.

É o chamado Relógio do Apocalipse, criado em 1947 pelo Boletim dos Cientistas Atômicos (BPA, na sigla em inglês), nos Estados Unidos.

Não se trata de um objeto, mas de uma ilustração simbólica. Os ponteiros do relógio não se movem por meio de uma medida científica, mas de acordo com o parecer dos integrantes do conselho de ciência e segurança do BPA, que se reúne duas vezes por ano para determinar o quanto falta para meia-noite.

"É um símbolo que representa o quão perto ou longe estamos de uma catástrofe global. O que queremos mostrar com isso é o quão próximos estamos de destruir a vida na Terra como a conhecemos", explica Rachel Bronson, diretora-executiva e editora do boletim.

O último ajuste nos ponteiros aconteceu em janeiro deste ano, logo após a posse de Donald Trump como presidente dos Estados Unidos. Na ocasião, o relógio foi adiantado em meio minuto.

sábado, 15 de julho de 2017

Agora são cinco supostas “múmias alienígenas” trazidas de sítio arqueológico no Peru



Pesquisadores que investigam os supostos seres não-humanos que foram encontrados no Peru agora afirmam ter CINCO espécimes.

As cinco “supostas múmias alienígenas” foram reveladas numa conferência de imprensa.

Os supostos seres alienígenas foram chamados de “múmias de Nazca” em uma conferência de imprensa especial para revelá-los nesta semana.

A equipe que os investigou, que inclui o pesquisador de OVNIs e jornalista mexicano Jamie Maussan, afirmou que eles aparecem mais reptilianos do que humanos, mas há reivindicações crescentes de que eles são a maior farsa a atingir o mundo da teoria da conspiração alienígena desde a autópsia alienígena Roswell de 1996.

A equipe que investiga as alegadas múmias, que está sendo documentada pelo site paranormal do site Gaia.com em uma série de documentários, afirma que os testes de datação de carbono mostraram que os ossos dentro dos “seres” têm cerca de 1.700 anos de idade.